Fone: (51) 99916-3993
E-mail: diretoria@abradigue.com.br

ABRADIGUE

A número 1 no Brasil
Segmentos Implementos Rodoviários

O CAMINHO DA TERRA PROMETIDA

Se olharmos para nosso passado e para os ensinamentos que a fé nos permite, constatamos que nenhum caminho é sempre perfeito, sem obstáculos ou desafios. Ao contrário, a lição que nos é passada pela vida é que para atingirmos os objetivos, na maioria das vezes, cometemos erros, caímos, perdemos patrimônio, e então surge a necessidade de reagir e, uma vez mais, construir uma nova estrada.

As crises são cíclicas e sempre trazem diferentes componentes que precisam ser analisados para que possamos escolher de forma consciente e inteligente o novo caminho.

Moisés abriu o mar para a passagem do povo Hebreu, ficou 40 anos no deserto andando em círculos, enfrentando as agruras do tempo, errou, acertou, mas aprendeu os ensinamentos de Deus, e o povo chegou à terra prometida.

Nossa crise, como todas que já enfrentamos, passará. Estima-se que após o primeiro ou segundo trimestre de 2016 o céu estará bem mais claro.

Como, então, devemos construir um caminho neste espaço de tempo?

Nesses momentos, o que mais precisamos é de nossos Talentos, daqueles que realmente trabalham, exercem sua responsabilidade e, como consequência, entregam resultados. A estes devemos nos dedicar, incentivar e informar sua importância.

Outros colaboradores possuem potencial, mas ainda não entregam o esperado, pois precisam de mais treinamento e consciência de como fazer para obter resultado. Muitas vezes querem atingir, porém não sabem como. A estes precisamos aproveitá-los e torná-los melhores.

Entretanto, temos outros, os que não entregam o esperado porque não possuem esta qualidade, e ficam sempre no espaço dos frutos medíocres. A estes, no momento da crise, só há uma solução: a eliminação. Pois eles contaminam a já difícil obtenção de resultado.

O que queremos na realidade dizer é que precisamos ter Fé e principalmente AÇÃO

O primeiro passo é constatar que a base de dados própria do concessionário é o primeiro grande Oásis existente, pois, avalie quantos veículos você vendeu nos últimos cinco anos e quantos veículos você atendeu em sua oficina neste mesmo período. Nestes casos, você conhece cada cliente e são por definição clientes potenciais. Que trabalho é feito nesta base de dados?

Os estoques passam de 60 dias em veículos quando a média era de 37 dias, o trauma de custo de carregamento é enorme, mas tudo começa por aceitar o que não se tem condição de vender. Muitas vezes o chamado “free floorplan” é, na realidade, uma ilusão, porque, para ser viável, deve estar ligado a um volume realista de venda.

Somos sempre chamados a investir, mesmo nestes momentos adversos, e precisamos apreender a dizer NÃO. Neste momento, investimento só pode ser feito com retorno garantido.

Acredito que o novo caminho que transformará nosso negócio passa pela nova tecnologia, que permitirá, de forma simples, chegar mais fácil ao consumidor.

A tecnologia atual já disponibiliza ferramentas que permitem uma forte fidelização destes clientes.

Estaremos trazendo em nossos próximos artigos algumas ferramentas de tecnologia que poderão surpreendê-lo pela qualidade e importância de seus resultados.

 

Bons negócios!

 

Por Valdner Papa

Especialista no mercado automotivo, é formado em Administração de Empresas pela FGV (Fundação Getúlio Vargas), com MBA em Gestão Automotiva e especialização em Marketing Automotivo pela Northwood University.